Perante os constantes cheiros nauseabundos, vulgarmente designados por «cheiro a casqueira», sentidos há anos pelas populações de São João da Madeira e de Arrifana, Fornos, Mosteirô, Souto e Escapães (Santa Maria da Feira) e de São Roque (Oliveira de Azeméis), que resultam da transformação de subprodutos de origem animal, os Verdes, que frequentemente têm denunciado a situação com ações locais e com denúncias e perguntas parlamentares ao Ministério do Ambiente, apresentaram um Projeto de Resolução que visa recomendar ao Governo tomar as medidas necessárias junto das empresas, para que de forma definitiva seja resolvido o problema, como explica Antero Resende.