O Beira-Mar empatou 1-1 na Barrinha em Esmoriz, na 17.ª jornada do Campeonato SABSEG e viu os principais perseguidores aproximarem-se do topo da tabela classificativa.

O União de Lamas foi uma das equipas que beneficiou da escorregadela do líder, vencendo no Comendador o Carregosense por 3-0. Oscar Beirão abriu o marcador no inicio da partida, tendo Xavi e Carlos Manuel fixado o resultado.

Não foi feliz a viagem do S. j. Ver a território arouquense saindo a perder por 1-0, no confronto com o Mansores. Tiago apontou o golo da tarde.

O Fiães não teve melhor sorte na deslocação ao terreno do Bustelo perdendo por 2-1. O Bustelo adiantou-se no marcador por intermédio de Mário, mas os fianenses ainda empataram por Eduardo Silva. Foi já na compensação que Nuno Martins deu a vitória ao Bustelo.

O Esmoriz tirou pontos ao líder Beira Mar tendo-se adiantado no marcador por  Diogo Barbosa, aos 62 minutos. A vantagem durou apenas dois minutos, com Bruno Henrique a restabelecer a igualdade para os aurinegros.

Quanto ao Alba, venceu no reduto do Estarreja, com os golos de Ricardo e Rafael Coutinho, enquanto o Pampilhosa esteve a perder na receção ao Paivense, que marcou por intermédio de Magolo. Os golos de Diogo Rola e João Rodrigues consumaram a cambalhota no marcador (2-1).
Numa jornada em que o Alvarenga regressou às vitórias, desta feita na receção ao Mourisquense, que até esteve a vencer com um golo de Paulo Monteiro, na transformação de uma grande penalidade. Apesar disso, a formação de Arouca recuperou no marcador e fixou o resultado em 3-1 com o ‘bis’ de Milos Jovicic e um golo de Stefan Mendes.
O Avanca venceu o Macieirense por 3-1, com golos de Marcelo Santos, José Leite e Batistuta. Mendes marcou o tento de honra do Macieirense.

No encontro que abriu a jornada, no sábado, o Vista Alegre e o Oliveira do Bairro empataram a um golo, com o guarda redes dos forasteiros a estar em evidência. Ainda assim, foi o Vista Alegre quem se adiantou no marcador, com um golo de Nassur. O Oliveira do Bairro chegou ao empate numa grande penalidade convertida por Paulo, a abrir a segunda parte, num jogo em que ficou reduzido a dez unidades após expulsão de Oliveira.