O Município de Santa Maria da Feira já substituiu 1.500 das quase 7.000 luminárias que se propõe trocar até agosto deste ano. O projeto, de mais de um milhão de euros, é financiado por fundos europeus e permite uma redução do consumo de energia na ordem dos 50 por cento.

O projeto da “Eficiência Energética na Iluminação Pública” tem em vista a transição para uma economia com baixas emissões de carbono em consonância com as metas do Norte 2020, devendo estar concluído em agosto próximo. O objetivo central passa pela substituição integral das luminárias afetas a cada posto de transformação, o que pode explicar que, entre as diversas fases do projeto, uma rua não seja completamente coberta pela intervenção.

A requalificação da rede, que envolve a troca das luminárias obsoletas por luminárias mais eficientes, permitirá ao Município uma redução substancial do consumo e uma poupança que pode ultrapassar os 50 por cento.

O critério utilizado passa pela substituição das luminárias de maior consumo por equivalentes capazes de gerar maior poupança no consumo anual de energia. A requalificação visa atingir o aumento da eficiência energética, promovendo a redução dos consumos de energia e, consequentemente, das emissões de carbono, o que originará redução dos custos associados com a faturação da energia elétrica.