Governo proíbe circulação entre concelhos de 30 de Outubro a 03 de Novembro

Out 22, 2020

O Governo anunciou, através da ministra da presidência, Mariana Vieira da Silva, que vai ser proibida a circulação entre concelhos de 30 de outubro até 3 de novembro, no fim-de-semana de Finados. “O Conselho de Ministros aprovou a proibição de circulação em diferentes concelhos do território continental no período das 00h00 de 30 de outubro até às 24h00 de 3 de novembro, o fim-de-semana correspondente ao Dia dos Fiéis Defuntos, dia de Finados”, revelou a governante, no final da reunião do executivo.

A decisão de limitar a circulação de pessoas surge uma semana após, o Conselho de Ministros ter anunciado o regresso do estado de calamidade.

Também vai ser declarado um Dia de Luto Nacional, a 2 de novembro, em honra das vítimas da covid-19.

O Conselho de Ministros aprovou ainda restrições e medidas especiais para os concelhos de Felgueiras, Paços de Ferreira e Lousada no âmbito da situação de pandemia. “Nestes três concelhos foram aprovados o dever de permanência no domicílio com exceção de um conjunto de atividades, como tinha acontecido no passado em 19 freguesias de Lisboa, para trabalhar, frequentar a escola e um conjunto de outras atividades”, anunciou Mariana Vieira da Silva.

O Governo decreta também “a proibição de quaisquer eventos com mais de cinco pessoas nestes três concelhos”.

Todos os estabelecimentos devem estar encerrados nestes três concelhos, às 22h00 com a exceção das farmácias e dos locais de venda de medicamentos não sujeitos a receita médica, consultórios, clínicas e centros de atendimento médico veterinário com urgências, áreas de serviço e postos de abastecimento de combustíveis.

Outra medida passa pela obrigatoriedade de adoção do regime de teletrabalho sempre que as funções em causa o permitam.

Por último, estão suspensas as visitas a utentes de estruturas residenciais para idosos, unidades de cuidados continuados integrados da Rede Nacional de Cuidados Integrados e outras respostas dedicadas a pessoas idosas, bem como as atividades de centro de dia.

Foto:DR

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *