Casos activos de Covid19 no concelho descem para 1806

Fev 8, 2021

O município de Santa Maria da Feira contabilizava na sexta-feira passada, 1806 casos ativos de Covid-19, 68 feirenses internados no Hospital S. Sebastião, 11 dos quais em cuidados intensivos, tendo-se registado, desde o inicio da pandemia, 141 mortos – números revelados por Emídio Sousa, durante a reunião da assembleia municipal que decorreu no sábado. Verifica-se uma descida de 20 por cento dos casos em relação à semana passada, mas a situação ainda é muito preocupante.

O autarca assegurou que a situação nos lares do concelho “está controlada” sendo o surto recente da casa Ozanan o que provoca mais atenção nesta altura.

Emídio Sousa a revelar que está a ser planeada uma intervenção em articulação com a saúde pública para tentar mitigar os casos de infecções surgidos em diversas empresas locais.

Na estrutura de retaguarda criada em Vila Maior, encontram-se 10 utentes internados, sendo dois do concelho, e no Inatel estão 11 utentes com uma média de idades a rondar os 77 anos.

No hospital, que viveu na semana passada imensa pressão, a situação está mais aliviada, mas “ainda é critica por que os números são muito elevados”, estando internadas 137 pessoas, 25 nos cuidados intensivos, 68 dos quais são oriundos de Santa Maria da Feira e, 11, estão na unidade de cuidados intensivos.

 Emídio Sousa adiantou ainda que, há profissionais de saúde do hospital e do centro de saúde que já estão a receber a segunda toma da vacina, anunciando que, o cineteatro António Lamoso está pronto a receber a população prioritária, para que arranque o processo de vacinação à comunidade aguardando-se apenas que cheguem as vacinas.

Estima-se que o cineteatro António Lamoso possa acolher cerca de 700 pessoas por dia para o processo de vacinação à população prioritária.

Foto:DR

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *