Renovação da imagem online no dia dos museus

Mai 18, 2022

Melhorar a sua presença online, aproximar-se dos seus visitantes e captar novos públicos foram os principais objetivos que estiveram na base da reformulação destes canais de informação do Museu Convento dos Loios e do Museu do Papel Terras de Santa Maria, lançados no Dia Internacional dos Museus.

Com uma apresentação moderna e navegação intuitiva, os novos sites dos museus assumem-se como mais um passo na melhoria contínua da comunicação com o “mundo”, disponibilizando novos conteúdos sobre a sua história, as exposições (permanentes e temporárias), as diferentes atividades, entre outras informações úteis, indo, desta forma, ao encontro das atuais exigências dos seus públicos.

O Museu Convento dos Loios e o Museu do Papel Terras de Santa Maria têm em comum o facto de divulgar e preservar toda uma herança histórica e cultural do território de Santa Maria da Feira. As visitas a estes equipamentos são exponenciadas pelas acessibilidades que disponibilizam, como os audioguias e smartphones em português, inglês, língua gestual portuguesa e audiodescrição, os quiosques multimédia que acompanham a exposição e as mesas interativas de património (no Museu Convento dos Loios centrada no património cultural do concelho e no Museu do Papel sobre a rota do papel).

Mesmo no centro histórico de Santa Maria da Feira, a cerca de 300m do emblemático Castelo da Feira, situa-se o Museu Convento dos Loios, polo central da Rede Municipal de Museus de Santa Maria da Feira. O acervo deste espaço museológico é constituído por coleções de Arqueologia, de História e de Etnografia representativas da ocupação do território, da construção da sua história, das artes, dos ofícios, das tradições e costumes, civis e religiosos, que marcaram a identidade e cultura desta região que na fundação da nacionalidade portuguesa se designava por Terra de Santa Maria e que no séc. XV se transformou em condado da Feira.

Instalado em duas antigas fábricas de papel do início do século XIX, o Museu do Papel Terras de Santa Maria é um museu industrial dedicado à história do fabrico do papel, desde a sua fase manufatureira de produção “folha a folha”, apresentada no espaço oitocentista do Engenho da Lourença, passando pela produção de papel em contínuo que marca o ambiente industrial do século passado da Casa da Máquina, até à mais recente história da indústria do papel em Portugal, através do núcleo expositivo “Da Floresta ao Papel”. Constituindo-se como um espaço manufatureiro e industrial em atividade, a sua exposição permanente tem como fio condutor a utilização de diferentes matérias-primas no fabrico de papel, ao longo dos tempos, proporcionando ao público o conhecimento dos sequentes momentos do processo de fabrico, a variedade de papéis produzidos em Portugal e a sua multiplicidade de aplicações. Além desta exposição, destaque também para a coleção de marcas de água e o acervo constituído por peças oriundas de diferentes fábricas de papel de todo o país.

No Dia Internacional dos Museus, a visita aos museus municipais de Santa Maria da Feira tem entrada gratuita.

Foto: DR

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Popup window